Importar para revender: Saiba como ter uma renda extra!

Importar para revender: Saiba como ter uma renda extra!

Com o desemprego, surgiram milhares de novos empreendedores, que estão buscando novas fontes de renda provisórias até voltar ao mercado de trabalho, ou até mesmo uma forma de se manter estável sem correr o risco de ser mandado embora novamente, e uma dessas formas de empreender é o comércio, principalmente se você souber como importar para revender.

Ter uma loja (online ou física) pode ser bastante lucrativa, e dependendo da forma que você escolher para fazer essas vendas, pode demandar um investimento inicial muito pequeno. No artigo de hoje, vamos dar dicas para você importar para revender, explicar como fazer isso legalmente, falar os melhores produtos e os melhores países para importar os seus produtos.

Como importar para revender legalmente?

Antes de pensar em como importar para revender legalmente, você já deve ter determinado um nicho de trabalho (maquiagem, roupas, games, perfumes, relógios, bijuterias, artigos para casa, etc.) e definido como vai fazer essas vendas, se vai ter um espaço físico ou se vai vender pela internet, numa loja online, nas redes sociais ou em sites que aceitam vários vendedores, como o eBay e o Mercado Livre, por exemplo.

Independente da sua escolha, você precisa saber que importar produtos para revender é totalmente dentro da lei, mas que isso vai depender do produto que você vai comprar, da quantidade e da legislação do país exportador. Uma pequena pesquisa na internet te ajuda a descobrir que produtos você pode comprar, em qual quantidade, o valor da cota e as taxas de importação para saber onde encontrar os seus melhores fornecedores.

Você também precisa ter um cartão de crédito internacional (ou obter um cartão de crédito pré-pago), e descobrir fornecedores de confiança que trabalhem com outras formas de pagamento, como PayPal, boleto bancário e transferência bancária (muito comum na China).

Defina a melhor forma de importar para revender: Vai comprar diretamente de um site, com o seu cartão de crédito e pedir que entregue diretamente pra você, e montar um estoque? Vai usar um intermediário para comprar de várias lojas diferentes (empresa de trading) e pagar um percentual sobre o valor da compra por esse serviço? vai optar pelo dropship, que elimina os gastos com o estoque e as preocupações com a logística, já que você só compra o que o seu cliente escolheu na loja virtual, e o fornecedor envia direto para ele?

Cada uma dessas formas de importar para revender demanda um procedimento diferente, como legalização de empresa, abertura de CNPJ, emissão de Notas Fiscais, entre outros, ou simplesmente demandam conhecimento de internet e de outros idiomas, além de um pouco de paciência.

Vale a pena importar para revender?

Sim. Vale a pena importar para revender, mesmo com o dólar em alta, porque o Brasil é um dos países com os impostos mais caros, e vender um produto comprado do exterior pode te garantir um lucro de 100% a 400%, mesmo com os custos com frete, taxas de importação e outros custos adicionais, como publicidade para divulgar a loja online, por exemplo.

importar para revenderDe onde devo importar para revender?

Existem países que já conhecem as melhores formas de exportar para o Brasil, e por isso o procedimento é mais simples. AAlguns fornecedores também “mascaram” o valor declarado na Nota Fiscal para evitar que você seja tributado quando a sua encomenda chegar à Alfândega, e indicam os melhores fretes para que a sua mercadoria chegue mais rápido ou fique mais barata, de acordo com as suas necessidades.

O Paraguai, por exemplo, além do cartão de crédito e Paypal nas lojas online, nas lojas físicas aceita tanto o pagamento em Guarani (moeda local), quanto em Real e em Dólar, e isso facilita o pagamento e permite que você aumente a sua margem de lucro, dependendo da cotação do dia.

Os melhores países para importar para revender são a China, os EUA, o Paraguai e o Japão, mas em todos esses lugares existem lojas mais caras e mais baratas, assim como lojas que vendem produtos originais e produtos falsificados, por isso, a atenção deve ser total.

Importar maquiagem, roupas, games, perfumes

Como falamos no início, a maquiagem, as roupas, os games e perfumes podem ser o seu nicho de vendas, e estão entre os itens mais buscados e mais consumidos pelos brasileiros, garantindo maior procura e mais vendas.

Independente da sua escolha, saiba o que está buscando, e principalmente, onde comprar esses itens, pois pode fazer a diferença tanto no seu rendimento mensal quanto no sucesso do seu empreendimento.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *