Terçol: O que é? Como tratar? Como Prevenir? Informe-se!

Terçol: O que é? Como tratar? Como Prevenir? Informe-se!

O terçol é uma inflamação muito parecida com uma pequena espinha ou furúnculo que nasce bem rente às pálpebras. Ele pode afetar pessoas de todas as idades (sendo mais comum em crianças), principalmente no verão.  Apesar de não ser um tipo de infecção bacteriana grave e demorar no máximo 10 dias para secar, o terçol pode causar bastante incômodo. Pensando nisso, reunimos nesse texto várias informações e dicas importantes para você saber como prevenir e tratar o terçol ou diminuir os seus sintomas quando você ou suas crianças passarem por isso.

O que é terçol?

Como dissemos, trata-se de uma infecção bacteriana que aparece como um inchaço vermelho na base dos cílios, nas pálpebras. Alguns especialistas tratam o terçol como uma inflamação das glândulas sebáceas. Ela  acontece por diversas causas, como falaremos a seguir.

Ele pode ser externo ou interno. O terçol externo parece uma espinha e tem um ponto amarelado rente à pálpebra. Ele costuma secar em menos de uma semana naturalmente. Já o interno pode aparecer mais longe da borda da pálpebra e é todo vermelho. Nesse caso pode demorar até 10 dias para drenar totalmente.

Como surge?

Como falamos, existem várias causas do terçol, sendo a mais comum a proliferação de bactérias como a espécie estafilococos (Staphylococcus aureus). As outras causas são a higiene inadequada (esfregar os olhos com as mãos sujas), o estresse, mudanças hormonais e inflamações crônicas no olho, como a blefarite.

Como prevenir o terçol?

Só existem duas formas comprovadas de se prevenir o surgimento do problema e as duas estão ligadas á higiene: Evitar mexer nos olhos com as mãos sujas e não dormir com maquiagem nos olhos.

Terçol

Sintomas

Tanto o terçol interno quanto externo começam com um inchaço avermelhado nas pálpebras, bem rente aos cílios, e essa é a forma mais comum de diagnosticar, mas existem outros sintomas que você deve ficar atento:

  • Sensibilidade à luz;
  • Incômodo ou dor ao piscar os olhos;
  • Coceira, formigamento, ardência ou dor na região afetada;
  • Presença constante e em maior quantidade de remela ou secreções;
  • Lacrimejamento e sensação de “areia nos olhos” freqüente;
  • Sensação de visão borrada.

Qual é o tratamento?

O tratamento para terçol baseia-se basicamente na limpeza da área infectada, que pode ser feita com soro fisiológico ou sabonete neutro, além de algumas técnicas que ajudam a diminuir o inchaço e a drenar o abscesso.

Apesar de o terçol durar pouco tempo (de uma semana a dez dias, dependendo do tipo) e desaparecer sozinho na maioria das vezes, você pode se livrar desse incômodo em menos tempo, fazendo essas técnicas que vamos ensinar a seguir, que vão ajudar a drenar e a diminuir o inchaço:

  • Faça uma compressa quente sobre a pálpebra infectada por 10 minutos. Repita o processo, umedecendo o pano e repitindo até a água esfriar;
  • Ferva uma xícara de água com uma colher de sementes de coentro. Coe e quando estiver frio, molhe um algodão e passe na área infectada três vezes ao dia;
  • Coloque uma rodela de tomate fresco ou de pepino sobre a área afetada por 10 minutos.

Caso nada disso funcione, procure um médico oftalmologista, que pode receitar uma pomada oftalmológica antibiótica, além de analgésicos como o Paracetamol para diminuir a inflamação e os outros sintomas causados pelo terçol. O tratamento para terçol também consiste em fazer a drenagem através de uma pequena incisão cirúrgica, que é recomendada apenas nos casos mais graves.

Terçol

Cuidados com o terçol

Além de todas as dicas que demos, o terçol demanda outros cuidados, como sempre lavar a área afetada com sabonete neutro ou anti bacteriano, não usar maquiagem ou qualquer outro cosmético durante a infecção e evitar tocar, apertar ou esfregar os olhos, principalmente se as mãos não estiverem bem lavadas.

Também é indicado não tentar perfurar a inflamação, pois pode alastrar a infecção e danificar as glândulas lacrimais. O uso de lentes de contato também é proibido até que o terçol drene completamente.

É contagioso?

Caso você coce o olho infectado e depois passe a mão no outro olho, pode contagiar o outro olho sim. O terçol só é contagioso para outras pessoas quando usam os óculos e lenços que tiveram contato com o olho infectado.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *