Durateston: Ciclo, como aplicar e quais os riscos de usar!

Durateston: Ciclo, como aplicar e quais os riscos de usar!

Durateston faz mal? Essa pergunta permeia a mente de vários bodybuilders e também de pessoas comuns que frequentam a academia a muitos anos. Existe uma dúvida no ar, por um lado o Durateston, ou “dura” como é conhecido popularmente é um anabolizante ilegal que pode causar sérios problemas de saúde dependendo da quantidade e do tempo de uso. Por outro lado, ele traz resultados em meses em vista de que sem o uso de anabolizantes o resultado pode chegar apenas depois de anos ou até nunca dependendo do caso. Vamos falar mais sobre esse suplemento a seguir! Continue lendo se você quiser saber mais!

Composição e fórmula do Durateston

O Durateston é uma fórmula que contem 4 diferentes compostos orgânicos de testosterona, o propionato de testosterona, fempropionato de testosterona, isocaproato de testosterona e decanoato de testosterona. A junção destas 4 substâncias garante uma injeção quase ininterrupta de testosterona durante 3 a 4 semanas. É preciso entender como aplicar e aprender sobre os efeitos colaterais que podem ocorrer, antes de iniciar a utilização deste anabolizante.

Como aplicar o Durateston?

O Durateston é comercializado em ampolas, dissolvido em substâncias que facilitam a aplicação. Os locais mais indicados são bíceps, panturrilhas, deltoide (ombros), glúteo, asa (dorsal), peitoral, coxa, trapézio e tríceps. Antes de aplicar deve-se fazer a assepsia da seringa e do local de aplicação com álcool 70%. Após a inoculação pressionar o local com algodão molhado em álcool também 70%. As seringas nunca devem ser reutilizadas pois podem injetar bactérias na sua corrente sanguínea ocasionando sérios problemas de saúde. Além disso é extremamente importante que o material seja descartado corretamente por ser lixo hospitalar, portanto recoloque a proteção da agulha antes de jogá-la fora dentro de uma caixa ou bem embrulhada.

durateston-

Ciclo

A aplicação do Durateston varia de acordo com ciclos, a forma mais segura é utilizar o ciclo rápido onde se aplica o anabolizante durante 5 a 6 semanas seguido de uma pausa na aplicação durante 3 a 4 semanas. Dessa forma a quantidade aplicada não agride o organismo de forma tão expressiva e permite que o corpo se desintoxique durante o período de pausa. Mas não se deixe enganar, mesmo em um ciclo rápido os resultados poderão ser surpreendentes, existem relatos de ganho entre 6 e 12 kilos de massa magra e perda de gordura corporal.

Os ciclos maiores trazem melhores resultados e consequentemente mais riscos, o ciclo médio dura entre 12 e 15 semanas onde são 8 semanas de aplicação seguida de 4 a 6 semanas de pausa. O ciclo longo conta com 10 semanas de utilização initerrupta do durateston. O ciclo longo é o mais perigoso pois quanto mais tempo o usuário se expor a droga maiores as chances de ocorrerem complicações de saúde, principalmente nos rins, fígado e coração. Antes de iniciar a utilização do Durateston procure um endocrinologista, existem outros remédios que ministrados durante os ciclos podem minimizar as chances de surgirem os efeitos colaterais temidos pelos fisiculturistas  e entusiastas da academia. Nunca aplique as doses sem antes aprender como manusear as ampolas e seringas e onde aplicar corretamente.

Atenção! Nós somos apenas um blog e não incentivamos o uso desse tipo de produto. Procure um médico para que ele acompanhe o seu tratamento.