Como abrir uma MEI? Será que vale a pena ser microempreendedor individual?

Como abrir uma MEI? Será que vale a pena ser microempreendedor individual?

Com o nível de desemprego em alta e na busca por outras formas de renda que não o emprego tradicional, cada vez mais pessoas estão procurando trabalhar de maneira autônoma, e uma forma de formalizar esse trabalho e garantir direitos, como o INSS, é abrindo uma micro empresa individual, a MEI.

Por meio desse artigo vamos lhe mostrar como abrir uma MEI e tirar suas principais dúvidas a respeito dessa modalidade de empresa, acompanhe.

Passo a passo para abrir uma MEI

Abrir uma MEI é um passo a passo bem simples, em que praticamente tudo é feito pela internet, o que torna o trâmite ainda mais fácil. Nos passos a seguir nós simplificamos qual é o caminho para você quer que se tornar um Microempreendedor individual.

  1.  Acesse o site www.portaldoempreendedor.gov.br .
  2. Você verá na página inicial do site duas opções, Quero Ser e Já Sou. Clique na opção FORMALIZE-SE no menu Quero Ser.
  3. Abrirá uma página de Nova Inscrição, nessa página você deve preencher seus dados de CPF e Data de Nascimento e clicar em Continuar.
  4. Abrirá um segundo menu solicitando seus dados de titulo de eleitor e uma verificação de segurança, preencha e clique em Prosseguir.
  5. Na página que irá se abrir você deverá preencher com o restante das suas informações pessoais, além do nome fantasia da sua empresa e algum valor de capital inicial, esse valor você decide. Uma dica é colocar o valor total permitido que é o de R$ 60 mil.
  6. Depois de preencher as informações pessoais você deverá continuar preenchendo com as informações a respeito da atividade da sua empresa. Nessa parte será pedida qual a sua ocupação principal e secundária, você deve preencher conforme o ramo que irá atuar.
  7. Mais abaixo, no mesmo formulário, você deverá preencher as informações de endereço de onde funcionará sua empresa, assim como os dados do seu endereço residencial.
  8. Por fim você irá marcar as Declarações de Desimpedimento, que são as declarações de que você está apto a abrir a MEI, clique em Continuar.
  9. Após o processamento será fornecido um certificado de condição de micro empreendedor. Você deve salvar essa documentação e manter-la impressa e guardada. Caso você for abrir uma conta jurídica, por exemplo, deverá levar esse certificado na abertura da mesma.
  10. Agora que você já sabe como abrir uma MEI, é hora de ficar atento as obrigações mensais de pagamento da guia de contribuição:

Você deverá pagar a guia de contribuição mensal (DAS) até o dia 20 de todo mês para garantir os seus benefícios.

Os valores da guia DAS são de R$ 47,85 (comércio e indústria), R$ 51,85 (prestação de serviços) ou R$ 52,85 (comércio e serviço).

Para emitir sua guia basta entrar no portal do empreendedor, ir em Microempreendedor Individual e clicar em Emitir Guia (DAS-MEI). Será solicitado o CNPJ da sua empresa para que a guia seja emitida.

microempreendedor individual

Vale a pena abrir uma MEI?

A MEI é uma modalidade de empresa para pequenos empreendedores, com ela o custo de abertura é zero e você apenas terá que contribuir mensalmente com o INSS, garantindo seus benefícios básicos desse serviço, como aposentadoria.

Portanto, para aqueles que buscam uma maneira barata e prática de se formalizar, a MEI se mostra uma opção bastante vantajosa quando comparada as outras modalidades de empresa, valendo muito a pena a sua abertura.

Quais são as características do MEI?

Confira abaixo as principais características da MEI e se essa modalidade de empresa se encaixa ao seu perfil empreendedor:

A MEI permite faturamento anual de até R$ 60 mil, uma média de R$ 5 mil mensais. Passando desse valor o tipo de empresa já deve ser outro.

A pessoa que for abrir a MEI não pode ser sócia ou administradora de outra empresa.

É permitido ter até um empregado pela empresa, com remuneração de até no máximo um salário mínimo vigente.

O empreendedor deve atuar em algum dos diversos ramos de atividades permitidas pela lei (no site do microempreendedor você encontra a lista de atividades permitidas, são várias)

Por meio da contribuição mensal da guia DAS o empreendedor goza de direitos como aposentadoria por idade e invalidez, auxílio doença e salário maternidade. Para os dependentes, auxílio reclusão e pensão por morte.

Viu como é fácil formalizar o seu negócio por meio da MEI? Além de poder emitir nota aos seus clientes você ainda fica segurado quanto aos direitos trabalhistas básicos. Se você é empreendedor e trabalha de forma autônoma, abrir uma MEI pode ser uma ótima idéia.

Veja também um vídeo sobre dicas para quem é MEI:

Se mesmo depois desta explicação você ainda tiver ficado com dúvidas em relação ao MEI, deixe o seu comentário e responderemos o quanto antes!

 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *