Chromecast: Transforme sua TV em uma Smart TV em apenas alguns minutos!

Com a mudança frequente da tecnologia é comum que alguns de nossos aparelhos fiquem ultrapassados, e por isso é necessário comprar novos aparelhos ou usar algo que ajude a modificar nosso aparelho antigo. Um excelente dispositivo que está sendo muito usado para transformar aparelhos de televisão simples em aparelhos de TV com internet é o Chromecast.

Você já ouviu falar no Chromecast? Sabe o que é e como funciona? Ainda não? Então esse artigo é para você, continue conosco e confira tudo sobre ele a seguir!

O que é?

chromecast aparelho com a caixa

O Chromecast é um dispositivo ofertado pela Google a fim de transformar uma televisão comum em uma Smart TV.

Em um dispositivo que se parece bastante com um pen drive, a Google implantou diversos serviços que poderão ser utilizados em uma televisão através de uma simples entrada HDMI.

Um destaque é o serviço da Netflix, o que facilita bastante a vida dos usuários desta empresa de entretenimento, já que muitos que não possuem uma TV Smart precisam ligar o notebook ou computador na televisão via HDMI, ou utilizar o serviço no próprio smartphone ou computador que normalmente possui telas bem menores, o que acaba até mesmo afastando muitos usuários.

Além da opção de assistir a Netflix sem muitos problemas, utilizando do Chromecast para tornar a sua TV uma Smart TV, você terá outras diversas possibilidades incríveis, como de assistir vídeos do seu computador ou mesmo smartphone na sua TV, exibir fotos, ouvir músicas, visualizar páginas na web ou até espelhar as telas dos seus dispositivos Android na TV, tudo isso sem a utilização de qualquer fio ou outro dispositivo.

Como funciona?

O Chromecast funciona de maneira bem simples, ao conectar o aparelho na entrada HDMI de sua TV e configurá-lo para acessar a rede wifi de sua residência, todos os dispositivos que estiverem conectados à rede e também forem compatíveis com a tecnologia Chromecast estarão automaticamente aptos para fazer a transmissão de informações via internet.

Isso irá possibilitar que o usuário utilize todas as funcionalidades do dispositivo através da conexão HDMI de sua TV, funcionando de forma bem semelhante a uma antena de TV a cabo.

Tipos de Chromecast

Ao decidir comprar um Chromecast, você irá se deparar com diversos tipos, e é de extrema importância que você adquira aquele que irá melhor atendê-lo.

Para casos em que você deseja simplesmente tornar a sua TV em Smart e conseguir utilizar os serviços citados acima, você terá duas opções de Chromecast, o Chromecast 1 e o 2, onde em ambas opções não há muito o que se preocupar, pois nas duas versões é possível utilizar o mesmo serviço, tendo como diferença o seu formato e frequência  de conexão, o que não tratará grandes diferenças entre ele.

No entanto, você poderá também encontrar o Chromecast áudio e o Chromecast Ultra, onde o Chromecast áudio é destinado para pessoas que desejam utilizar de um serviço de áudio com mais qualidade do que as caixas de som Bluetooth convencionais, e o Chromecast Ultra para pessoas que já adquiriram televisores 4k e desejam fazer a transmissão de séries e filmes nesta qualidade.

Qual o preço?

O preço do Chromecast costuma variar consideravelmente conforme o modelo escolhido e conforme o local onde você está realizando sua compra, sendo que você poderá encontrá-lo por um valor entre R$ 150,00 e pouco mais de R$ 200,00 reais, a depender da sua versão e localidade.

Posso instalar sozinho?

o aparelho de chromecast

Sim, a instalação do Chromecast consiste em simples passos que poderão ser observados pelo próprio dispositivo e também na internet, pois pode ser instalado até mesmo por pessoas consideradas mais leigas no mundo da tecnologia.

Confira o passo a passo de como instalá-lo a seguir.

  1. Conecte o aparelho em sua TV na entrada HDMI.
  2. Usando o USB da TV, instale a fonte de alimentação.
  3. Baixe o app Google Home em seu smartphone.
  4. Encontre no Google Home o card do Chromecast.
  5. Vincule uma conta do Google a ele.
  6. Confirme o código que aparecerá.

Pronto, sua instalação foi concluída com sucesso.

Ainda tem alguma dúvida sobre esse artigo? Deixe-nos um comentário que assim que for possível nós responderemos você.

Comunhão parcial de bens: O que é? Como funciona? Tire todas as suas dúvidas aqui!

Quando duas pessoas apaixonadas decidem se casar é necessário pensar nos detalhes burocráticos para que possam entrar em acordo e não haver problemas futuros, pois um casamento, embora seja uma união entre duas pessoas que se amam é um contrato entre elas. Neste contrato é muito comum que as pessoas usem o regime de comunhão parcial de bens, porém muitas pessoas ainda tem muita dúvida sobre esse tipo de regime.

Se você também possui dúvidas sobre o regime de comunhão parcial de bens, esse artigo é para você, continue conosco e tire todas as suas dúvidas a seguir.

O que é?

meação na comunhão parcial de bens

A comunhão parcial de bens é um regime no qual o casal entra em acordo para que todos os bens que forem adquiridos após o casamento sejam comuns do casal.

Os bens que cada um adquiriu de maneira individual, antes da união, continuarão sendo individuais.

Não importa quem comprou o bem ou no nome de quem ele está, todo o patrimônio adquirido após a celebração será dividido igualmente entre os cônjuges.

O regime de comunhão parcial de bens é o mais usado atualmente no Brasil, sendo que ele é regido pelos artigos 1658, 1659 e 1660 do Código Civil.

Como funciona?

O funcionamento do regime de comunhão parcial de bens é bem fácil de entender, pois consiste apenas em dividir todo o patrimônio do casal que foi adquirido após o casamento, sendo que os bens que foram adquiridos antes do casamento civil não serão partilhados entre os cônjuges.

Além do mais, caso um dos cônjuges tenha direito a herança após a união, está será individual e não deve ser partilhada entre eles.

Uma particularidade do regime é que em casos de um dos cônjuges desejarem trocar os bens que foram adquiridos antes do casamento eles poderão. A troca por bens de igual valor ou de outros bens cuja soma seja de igual valor do bem anterior não irão ser partilhados e continuarão no caráter individual.

Além disso, caso um bem adquirido antes do casamento valorize, o valor adicional do bem continua sendo individual.

Caso algum dos cônjuges possuam ações ou imóveis que venham a valorizar durante o casamento seu valor não será dividido entre o casal.

Código Civil

contrato para regime de comunhão parcial de bens

O regime de comunhão parcial de bens está regulado pelo Código Civil, assim, através deste código é possível saber tudo o que está incluído ou não neste regime de casamento.

Alguns itens que entram na comunhão parcial de bens são:

  • Os bens adquiridos após o casamento, mesmo que esteja no nome apenas de um dos cônjuges entram na partilha.
  • Os bens que são adquiridos com ou sem trabalho, por fato eventual serão partilhados.
  • Benfeitorias em bens particulares entram na comunhão

É importante destacar que nos bens comuns incidirá a meação, pois é considerado de maneira absoluta que houve a contribuição do outro cônjuge, de maneira financeira ou moral.

Não entrará na comunhão parcial de bens:

  • Bens particulares (adquiridos antes do casamento)
  • Bens adquiridos com valores de sub-rogação dos bens particulares de um dos cônjuges.
  • Obrigações que são anteriores ao casamento.
  • Bens que são pessoais
  • Bens que são de uso profissional
  • Bens que são proventos dos trabalhos pessoais de cada cônjuge
  • Pensões e rendas semelhantes

Herança/Sucessão

A herança não irá entrar na partilha, pois ela irá ser considerada um bem particular que já existia antes do casamento, mesmo que ela só seja recebida durante a união.

Comunhão parcial de bens após a morte

É comum surgir a dúvida de como fica a comunhão parcial de bens após a morte.

Se um dos cônjuges falecer haverá a meação de todos os bens que foram adquiridos depois do casamento, seja por doação ao casal, por “sorte”, por trabalho, etc.

Contudo, os bens que são particulares do falecido também serão divididos entre o viúvo e os herdeiros do falecido, que poderão ser seus descendentes, que são os filhos e netos, se houver, ou os ascendentes, que são os pais e avós.

Por isso é muito importante que o casal converse bem antes de escolher qual será o regime adotado no casamento, assim irão evitar problemas futuros.

Ainda tem alguma dúvida sobre a comunhão parcial de bens? Deixe-nos um comentário que assim que for possível nós iremos responder você!

Danos morais: Confira aqui quem tem direito a indenização!

É muito comum atualmente escutarmos a expressão “danos morais”, seja no trabalho ou mesmo em um momento de lazer, pois a cada dia as pessoas tem tomado maior conhecimento dos seus direitos e por isso começam a ir em busca de ter uma reparação deles. Mas os danos morais são muito mais complexos do que muitas pessoas imaginam, e por isso conhecê-lo a fundo é essencial.

Se você deseja saber um pouco mais sobre os danos morais, esse artigo é para você, pois a seguir nós iremos falar tudo o que você precisa saber sobre seu funcionamento.

O que é?

foto de direito a danos morais

A grosso modo podemos dizer que danos morais são as perdas que uma pessoa sofre por um ataque a sua moral, ou seja, é uma perda que abala a honra de uma pessoa e pode acontecer não só quando a moral for atingida, mas também quando for atingido seu psicológico ou até mesmo suas finanças.

Estes danos estão incluídos na Constituição Federal de 1988, no artigo 5 inciso V, cujo é caracterizado como uma violação ao bem do indivíduo ou ofensas que irão afetar diretamente a moral de um indivíduo.

Quando uma pessoa sentir que foi afetada moralmente, psicologicamente ou financeiramente ela poderá entrar com uma ação de danos morais.

 Danos morais no trabalho

danos morais no trabalho

Danos a moral no trabalho ocorrem quando uma pessoa se sente humilhada, ofendida e com sua imagem denigrida no trabalho devido a atitude de outrem, ou seja, quando seus direitos são violados podendo causar desconforto, vergonha ou sofrimento.

Mas é importante tomar cuidado quanto aos danos morais, pois fofocas e intrigas, embora possam acabar denigrindo um pouco da imagem do indivíduo, não são consideradas danos morais. Para ser caracterizado assim é necessário que o indivíduo sofra uma dor psíquica ou humilhação extrema.

Alguns exemplos de danos morais no trabalho são:

  • Humilhação em público
  • Humilhação particular
  • Revista íntima
  • Condições de trabalho degradantes
  • Metas inatingíveis
  • Ofensas com palavras de baixo calão
  • Acidente de trabalho causado por culpa do empregador
  • Assédio sexual

Indenização

Quando uma pessoa sofre danos morais e consegue comprovar através da justiça ela irá ganhar uma indenização como forma de ressarcimento pelo dano causado. O valor da indenização será estipulado pelo juiz que irá analisar o caso, assim ele irá analisar qual foi o tipo de dano para dizer o valor, não existindo um parâmetro para estipulá-lo.

Contudo é necessário destacar que existem algumas regras que devem ser levadas em consideração na hora desta análise, pois a indenização não poderá ser muito pequena a ponto de causar vergonha no indenizado, porém também não poderá ser alta demais para ser considerada um enriquecimento sem causa.

 A pessoa jurídica

Assim como as pessoas físicas possuem direito aos danos morais, quando for constatado que uma empresa sofreu ofensa a sua honra objetiva, esta também poderá receber ressarcimento de danos morais.

Ao contrário da pessoa física, só será caracterizado dano moral a pessoa jurídica quando está sofrer ofensa a sua honra objetiva, ou seja, com ações que irão atingir o bom nome, fama, prestigio e reputação da empresa causando prejuízos a ela.

Danos morais ao consumidor

danos morais ao consumidor

O consumidor também poderá ter direito a indenização por danos morais que está estabelecido pelo Código de Defesa do Consumidor. Assim, quando o consumidor sofrer algum dano por causa de um produto ou serviço, ele poderá entrar com a ação.

De acordo com o código civil, se o consumidor tiver a sua moral atingida e a afetividade causando constrangimento, dores ou sensações negativas será caracterizado como danos morais ao consumidor e ele deverá ser indenizado.

Ao punir quem causou o dano ao consumidor, além de ajudar a ressarcir quem sofreu o dano e punir quem o causou, esta é uma forma de tentar evitar que a empresa volte a praticar a atitude que causou os danos morais a fim de resguardar novos consumidores.

O valor que deverá ser pago na indenização ao consumidor, assim como na pessoa física, será estipulado pelo juiz conforme a sua sensibilidade e conforme a análise de cada dano que foi sofrido pelo consumidor.

Se você ainda tem dúvidas sobre os danos morais é só nos deixar um comentário que responderemos você em seguida!

Herança: Confira aqui como é feita a sucessão de bens!

Um assunto que quase ninguém gosta de falar mas que é muito importante em uma família é a herança, pois quando um familiar falece e sobram bens para serem partilhados entre os herdeiros é comum surgir muitas brigas, principalmente quando não há um testamento expressando a vontade do falecido e é por isso que hoje neste artigo eu irei falar um pouco sobre a herança.

Se você possui dúvidas sobre o que é e como é partilhada, este artigo é para você, pois a seguinte eu irei dizer tudo sobre o funcionamento da partilha de bens.

O que é?

partilha de bens na herança

A herança é um conjunto de bens direitos e obrigações que uma pessoa deixa aos seus sucessores quando ela morre, assim a herança deve ser partilhada entre todos os herdeiros. Em caso de haver um interessado na herança que seja incapaz ou caso exista um testamento é necessário realizar um processo de intervenção judiciária para fazer a partilha dos bens.

Quer MAIS conteúdo? Então CLIQUE AQUI e leia também sobre Inventário!

Como funciona?

A partilha funciona de maneira simples sendo que uma pessoa que possui algum tipo de herança terá direito aos bens ou obrigações do falecido após a abertura da sucessão. Assim caso haja obrigações do falecido até o limite da herança cabe ao herdeiro quitá-las.

Se o que o herdeiro receber em bens for menor do que o valor das obrigações ele deverá provar esta diferença para não pagar o valor a mais, e caso o herdeiro ganhe bens maiores do que o valor das obrigações ele deverá quitá-las e receber a diferença.

Sucessão de bens

A sucessão de bens irá ocorrer quando uma pessoa falecer e deixar bens, assim eles serão repassados aos sucessores. Terá direito todas as pessoas vivas ou concebidas sendo que o que já foi concebido só receberá a herança se nascer com vida.

Jacente x Vacante

Existem dois tipos de herança que são muito confundidos que são a  jacente e a vacante, mas diferenciá-las é bem simples.

A Herança jacente é quando o falecido não deixa um herdeiro certo e determinado que é quando não sabe se existe ou não um herdeiro ou o herdeiro repudia a herança. Já a herança vacante é quando todas as pessoas que são herdeiras repudiam a herança, assim ela é devolvida para a fazenda pública.

Herança sem testamento

testamento para herança

Se o falecido não tiver deixado em testamento ou se o testamento perder a validade antes da realização da partilha, os bens serão repassados primeiramente aos seus herdeiros descendentes que são os filhos, netos e bisnetos em concorrência com o viúvo. Em segundo lugar os bens serão repassados aos seus herdeiros de linha ascendentes que são os pais, avós e bisavós com concorrência com o viúvo.

Se o falecido não possuir descendentes ou ascendentes todos os seus bens serão transmitidos ao cônjuge e caso eles não possuam cônjuge os bens irão para seus herdeiros colaterais que são os irmãos, sobrinhos e tios.

Venda de bens a estranhos

Existe uma regra para vender os bens herdados, pois é necessário primeiro que o herdeiro que queira vender ofereça os bens aos outros herdeiros.

Se nenhum dos outros herdeiros tiverem interesse em adquirir os bens ele poderá ser vendido a pessoas estranhas, mas caso algum herdeiro tenha interesse a preferência é dele, não podendo ser vendido a pessoas estranhas.

Partilha da herança

A partilha de bens é quando os bens que uma pessoa possui são repassados aos seus herdeiros ou as pessoas que possuem direito. A partilha poderá ser feita através de um acordo entre as partes afetadas ou através de um processo judicial.

As pessoas que possuem uma grande quantidade de bens ou que possuem uma fortuna podem pensar na partilha a fim de facilitar para que os bens sejam repassados a quem tem direito.

É preciso destacar que a partilha só será feita sem auxilio judicial se não houver testamento e se todos os herdeiros forem maiores de 18 anos, capazes e estiverem de acordo com a partilha, caso contrário é necessário recorrer ao processo judicial.

Ainda ficou alguma dúvida sobre o que é e como funciona a herança? Deixe um comentário que iremos responder você assim que for possível!

Inventário: Como funciona? Conheça tudo sobre o processo nesse artigo!

Quando uma pessoa falece todos os seus bens, direitos e obrigações irão ser repassados para a sua família e para formalizar esta transferência de bens do falecido aos herdeiros é que existe o inventário, porém este é um assunto que ainda gera muitas dúvidas e por isso muitas pessoas não sabem o que é necessário e nem como fazer o inventário.

Se você também possui dúvidas sobre esse assunto, este artigo é para você, pois a seguir eu irei falar tudo o que você precisa saber sobre como ele é feito. Continue conosco e confira!

O que é?

inventário e herança

O inventário é um procedimento utilizado para transferir os bens, direitos e obrigações do falecido para os seus herdeiros sendo que ele só será realizado quando o morto não deixou nenhum tipo de testamento.

Se a pessoa que faleceu já tiver realizado um testamento, ele entrará em vigor e não será necessário realizar o processo para partilha de bens.

Como fazer?

Existem duas maneiras de se fazer um inventário que é a maneira judicial e a extrajudicial. A forma do inventário irá variar conforme as particularidades de cada caso.

O inventário judicial ocorre quando o falecido deixou dívidas, quando os herdeiros não concordam com a divisão dos bens ou ainda se existir um testamento com a partilha dos bens, com isso nesses casos é necessário  realizar o processo judiciário para que seja realizado a partilha dos bens.

O inventário extrajudicial é realizado quando o falecido não deixou nenhum tipo de dívida e só possui herdeiros que são maiores de idade e capazes, assim não é necessário a ajuda de um poder judiciário para realizar a partilha.

🔸🔸🔸 LEIA MAIS CONTEÚDO: No texto sobre Herança!!

De bens

Se a pessoa falecida não deixou nenhum tipo de dívida e todos os seus herdeiros forem maiores de idade e capazes não é necessário realizar um inventário para partilhar os bens, pois neste caso é necessário apenas uma escritura para fazer a partilha, pois o processo não irá precisar de ajuda judicial para ser realizado.

Significado

É a ação de arrecadação e futura partilha de bens entre os herdeiros de um falecido

Após divórcio

É muito comum surgir a dúvida de como fazer o inventário após o divórcio, pois quando a pessoa divorcia, dependendo do tipo de união é necessário separar os bens.

O inventário por divórcio é realizado quando um casal se separa através do juiz, com isso o juiz irá por fim a sociedade conjugal e posteriormente será realizada a partilha de bens.

Após a decisão judicial, a depender do regime de bens, se o casal comprovar que todos os bens que eles possuem foram adquiridos juntos, eles deverão ser partilhados igualmente entre as duas partes.

Preciso pagar para fazer o inventário?

inventário paga

Muitas pessoas ficam em dúvida se é necessário pagar para realizar o inventário, e a resposta é sim.

Ao decidir realizar um inventário é necessário que os envolvidos estejam cientes que deverão pagar impostos para a realização do mesmo, com isso é necessário pagar o ITCD, que consiste em um imposto que incide sobre os inventários. Este imposto custa entre 4% a 8% do valor avaliado dos bens que entrarão em inventário.

É importante ressaltar que o valor do imposto irá variar conforme cada estado.

Quando encerra o processo?

Após realizar o inventário judicial será emitido o Formal da Partilha, e no caso do extrajudicial será emitido a Escrituração Pública. A partir da emissão desses documentos o processo será encerrado.

Neste momento os herdeiros deverão estar com os papéis em mãos para realizar os registros dos bens que foram adquiridos, assim eles irão transferir os bens que foram herdados.

Caso haja valores em dinheiro, eles serão recebidos também após a emissão do documento.

Etapas do inventário

Para que você consiga entender melhor qual são as etapas do processo eu separei a seguir a ordem de como será realizado o processo.

  1. Procure um bom advogado (ele poderá ser individual de cada interessado ou de todos os envolvidos).
  2. Escolha uma das pessoas envolvidas para ser a “cabeça” do processo.
  3. Faça um levantamento com todas as dívidas e bens dos envolvidos.
  4. Pague a taxa do Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação.
  5. Realize o cálculo da divisão de bens.
  6. Finalize com a documentação registrando os bens recebidos.

Ficou alguma dúvida? Deixe um comentário!

Popcorn Time: É realmente seguro usar esse programa? Confira aqui!

Assistir um filminho em casa após um dia cansativo  é muito bom, pois é uma forma de relaxar o corpo e a mente. Mas é claro que para ser realmente relaxante você precisa ter bons filmes a sua disposição, e é por isso que possuir uma assinatura em um programa como o Popcorn Time é uma ótima opção.

Você já ouviu falar no Popcorn Time? Sabe o que é e como ele pode ser útil para te ajudar a assistir excelentes filmes sem precisar sair de casa? Ainda não? Pois então continue conosco e confira a seguir tudo sobre ele!

O que é o Popcorn Time?

popcorn time foto

O Popcorn Time é um programa de origem da Argentina que oferece os serviços semelhantes ao da Netflix, ou seja, é um programa que oferece o streaming e também o download de séries e filmes através da internet.

O acesso ao conteúdo do Popcorn Time é feito praticamente de imediato, já que o programa é baseado no protocolo torrent, uma espécie de corrente onde é compartilhado a maior parte de filmes, programas, séries, músicas e arquivos de todo tipo através da internet.

Isso irá torna o acesso ao Popcorn melhor até que a famosa Netflix, já que o Popcorn Time oferece na grande maioria das vezes obras que acabaram de sair do cinema, com diversas qualidades para que cada pessoa possa escolher a que melhor lhe atende.

É bom?

Sim, o Popcorn Time é muito bom, pois com ele você não precisa ficar horas procurando o filme que deseja assistir, com apenas alguns cliques é possível que você tenha centenas de filmes com ótima qualidade a sua disposição para assistir quando e onde você quiser.

Como funciona?

Tudo funciona de forma bem simples, por se tratar de uma plataforma que envolve o uso do torrent, ao abrir o Popcorn Time e selecionar a série ou filme que deseja ver, o programa iniciará a troca de pequenos fragmentos de arquivos através da internet, ou seja, de pouquinho em pouquinho o computador fará o download do filme ou série que você deseja através destes pequenos fragmentos chamado torrent que são compartilhados automaticamente entre todos os usuários, o que facilita na rapidez.

Download

popcorn time download

O programa oferece ainda a possibilidade de você baixar a obra que deseja para assistir futuramente, e isso acontece de maneira mais simples do que você imagina.

O download da sua série ou filme acontece automaticamente ao você selecionar e assistir aquele filme ou série, que acontece justamente pelo fato do programa trabalhar com arquivos compartilhados via torrent, deixando assim disponível para futura visualização aquele arquivo com mais facilidade, sem a necessidade inclusive da internet, o que pode ajudar em alguns momentos em que a companhia falhar por algum motivo, ou mesmo poderá ajudar pessoas que estão com uma internet de baixa velocidade na hora de assistir o filme.

IOS

Além de ter a opção de fazer o download do Popcorn Time no seu computador com plataforma Windows, Linux, e também Mac, você poderá fazer o download do aplicativo do  no seu iphone. Isso torna o Popcorn ainda melhor já que você poderá ter acesso aquela infinidade de filmes e séries na palma de sua mão a qualquer momento do dia.

Android

Você também tem a opção de utilizar o Popcorn Time em seu smartphone Android, com as mesmas funcionalidades do programa no computador e no iphone. Assim você poderá ter acesso aos conteúdos com facilidade de onde você estiver, basta apenas baixar o aplicativo.

Como baixar?

Para baixar o Popcorn Time e já começar a usar, basta que você siga os passos abaixo:

  1. acesse o site oficial do programa, disponível em popcorn-time.to.
  2. Em seguida role a página e selecione a plataforma que você deseja utilizar o programa, seja ele no Windows, no Android, no Mac, ou no IOS.
  3. Clique nela para baixar.

É gratuito?

A melhor parte disso tudo é que o Popcorn Time é oferecido totalmente gratuito, sem a necessidade de fazer qualquer adesão a planos de pagamentos, o que torna o programa ainda mais atrativo não é mesmo?

O que está esperando? Não perca tempo e comece agora mesmo a utilizar o Popcorn Time.

Ainda tem alguma dúvida? Deixe-nos um comentário que assim que for possível nós responderemos você!

União estável: Tire todas as suas dúvidas antes de declará-la!

Quando duas pessoas estão apaixonadas e desejam morar juntas, nem sempre o casamento é a melhor opção, e por isso é muito comum vermos casais que moram juntos, estão constituindo uma família, mas não são casados e isso é o que consiste em uma união estável.

Você já ouviu falar nesse tipo de união? Sabe o que é e como ela funciona? Se a sua resposta é não, este artigo é para você, continue conosco e tire todas as suas dúvidas.

O que é?

casal-em-união-estável

Uma união estável é quando duas pessoas decidem viver juntas em uma relação estável e duradoura sem possuir nenhum documento que comprove esta relação, contudo, as pessoas que estão nesse tipo de regime possuem deveres e obrigações, assim como no casamento, sendo necessário conhecer bem quais são estes deveres antes de declarar que está nessa união.

Na união estável não existe um limite mínimo de tempo para declarar a relação, porém é necessário existir relação pública, duradoura e com o objetivo de criar uma família, assim não são todos os casais que podem declará-la.

Como funciona a união estável?

O funcionamento da união estável é simples, sendo que não é necessário que duas pessoas morem juntas para configurar este regime. Elas deverão apenas possuir elementos que comprovem a união, como por exemplo os filhos, conta corrente conjunta, testemunhas etc.

Na união estável irá prevalecer o regime de comunhão parcial de bens, porém os casais que desejarem poderão fazer um contrato estabelecendo os bens do companheiro. Nesses casos é necessário usar a mesma flexibilidade que existe no pacto ante-nupcial.

Como fazer?

Para fazer a união estável o casal poderá optar por realizar um contrato particular ou uma escrituração pública. Para que o documento seja válido é necessário que o casal reconheça a assinatura em cartório de notas com a presença de um tabelião. Não é necessário a presença de testemunhas para que seja efetivada a união estável.

O casal que deseja fazer a escrituração pública deverá apresentar os seguintes documentos:

Aos casais que desejarem fazer o contrato particular é necessário o acompanhamento de um advogado, que irá colocar todas as cláusulas desejadas pelos envolvidos, inclusive do regime de bens que será adotado na união e na dissolução desta.

Neste caso, além de possuir a assinatura com firma reconhecida do casal, é necessário apresentar duas testemunhas para que o documento seja válido.

Com o contrato em mãos, o casal ainda deverá comparecer a um Cartório de Registro de Títulos e Documentos e registrá-lo, só assim estes começaram a ter uma união estável oficialmente.

Requisitos

Para conseguir o regime de união estável é necessário seguir alguns requisitos, como:

  • Possuir um relacionamento público
  • Ter convivência contínua e duradoura
  • Desejo de constituir uma família juntos

Não é necessário

  • Residir no mesmo domicílio
  • Ter filhos
  • Possuir um tempo mínimo de convivência

Poli afetiva?

As pessoas que possuem uma união poli afetiva, ou seja, uma união entre três pessoas, poderão fazer a escritura pública de acordo com o mesmo regulamento que a união estável, assim ambas terão os mesmos direitos jurídicos pessoais que as pessoas que possuem esse regime, assim deverão ter o dever de ser leais e o patrimônio será dividido conforme o regime de comunhão parcial de bens.

Regime de bens

Conforme mencionamos anteriormente, as pessoas que utilizam esse regime em sua união deverão seguir o regime de comunhão parcial de bens, assim como ocorre no casamento, seja uma união estável comum ou uma união estável poli afetiva.

Valor 2018/2019?

O documento de declaração que um casal possui uma união que é estável possui um valor que gira em torno de 89,90, porém este valor poderá sofrer alterações conforme a região onde está localizado o cartório, por isso é recomendável consultar os preços do cartório da sua cidade.

União estável altera o estado civil?

casal em união estável

A união estável, embora seja documentada e regida pelo regime parcial de bens, não altera o estado civil dos envolvidos, assim o casal continuará solteiro, embora possua deveres e obrigações a cumprir com o seu parceiro(a).

Além do mais, quem possui união estável não irá acrescentar o sobrenome do companheiro em seu nome.

Ainda tem alguma dúvida? Deixe-nos um comentários!

Votar em branco: Anula a eleição? Adianta? Tire todas as suas dúvidas aqui!

As eleições estão chegando e com ela vem aquela famosa preocupação sobre em qual candidato votar, pois mesmo tendo muitas opções no mercado, algumas pessoas não querem nenhum deles como o seu representante e por isso elas pensam em votar em branco, sem ao menos saber o que é o voto em branco e se isso irá influenciar nos resultados das eleições.

Se você deseja conhecer melhor o que é o voto em branco e como ele funciona, esse artigo é para você, continue conosco e confira a seguir tudo sobre esse tipo de voto.

O que é o voto em branco?

No Brasil o voto é obrigatório, porém cada eleitor possui o direito de votar no candidato que ele desejar, de não votar em candidato nenhum ou ainda de não comparecer às eleições por algum motivo e justificar o voto, por isso muitos eleitores optam pelo voto em branco, assim não precisam escolher nenhum candidato.

O voto em branco antigamente era computado como um voto de conformismo do eleitor, ou seja, o voto iria para o candidato que possui maior número de votos, o que significa que o eleitor concordou com a vitória dele, que foi decidida por outras pessoas.

Contudo, atualmente houve uma mudança e o voto em branco não vai mais para um candidato. De acordo com a constituição federal só são computados os votos válidos, que consistem nos votos de legenda (no partido) ou nos votos nominais (no candidato). Assim quem opta por votar em branco irá manifestar que está insatisfeito, mas seu voto não terá nenhuma validade eleitoral.

Votar em branco anula eleição?

votar em branco nas eleições

É comum algumas pessoas pensarem que os votos em branco podem anular a eleição, porém este é um grande engano. Em uma eleição só são considerados os votos válidos, assim quando o eleitor vota em branco ou anula o seu voto ele não estará fazendo com que a eleição seja anulada.

Mesmo que mais da metade dos votos sejam brancos e nulos a eleição não será anulada, irão contar apenas os votos válidos para decidir quais foram os candidatos eleitos.

Voto branco ou nulo?

Ao contrário do voto em branco, o voto nulo consiste em votar em um número que não é de nenhum candidato, seja por erro de digitação ou não. O voto nulo também não é computado, por isso ele não irá beneficiar nenhum candidato e será visto como erro de digitação.

Favorece algum partido?

Conforme mencionamos anteriormente, votar em branco ou votar nulo não irá favorecer nenhum partido e nenhum candidato, o voto é visto apenas como inválido e é excluído na hora da computação dos votos.

Os eleitores que desejam favorecer algum partido deverão votar no candidato deste partido ou deverão fazer o voto de legenda, que é quando eles votam apenas no partido, e não em um candidato específico.

Como faz para votar em branco?

Votar em branco é bem simples, pois na urna eletrônica já existe uma tecla que possui essa opção, a fim de facilitar esse tipo de voto. Com isso, as pessoas que desejam votar em branco devem apenas clicar na tecla que estará escrito “branco” e confirmar o seu voto, assim este não será computado na hora da conta de votos.

Adianta?

adianta votar em branco?

Uma grande dúvida que surge a respeito do voto em branco é se ele realmente adianta de alguma coisa ou se o eleitor está apenas perdendo o seu voto. Como atualmente os votos brancos não são considerados na hora de computar os votos, ele não irá adiantar de nada para influenciar as eleições, e por mais que eleitores pensem que está é uma forma de protesto, não é.

Por isso, o mais indicado é que os eleitores analisem bem quem são os candidatos e suas propostas e escolha um para representá-los, pois está é a única maneira de fazer o seu voto valer a pena e poder ajudar a modificar a realidade do país.

Lembrando também que o voto nulo não irá ser computado, por isso ele também não será considerado um voto válido e não irá ajudar a definir os resultados da eleição.

Você ainda tem alguma dúvida sobre o voto em branco ou sobre o voto nulo? Então deixe um comentário que assim que for possível nós responderemos você!

Crefisa empréstimo: Confira como conseguir empréstimo mesmo estando negativado!

Em alguns momentos de nossa vida é comum que precisemos de um empréstimo para conseguir quitar nossas dívidas, pois seja por um descontrole financeiro ou por uma emergência pode ser que aconteça de ficarmos sem dinheiro e precisar recorrer a um banco ou financeira para solicitar um empréstimo. Uma das financeiras que é muito conhecida por realizar este tipo de serviço é a Crefisa e por isso a seguir eu irei falar tudo que você precisa saber sobre a Crefisa empréstimo, assim você poderá tirar todas as suas dúvidas para saber se vale a pena ou não solicitar o seu.

A Crefisa possui várias opções de crédito a fim de levar a todos os seus clientes o empréstimo ideal para ele. Se você deseja conhecer um pouco mais sobre esses empréstimos continue conosco e confira a seguir!

Pessoal

Com a Crefisa é possível pegar empréstimos pessoais sem muita burocracia como ocorre em outras financeiras ou bancos. As pessoas que desejarem solicitar este tipo de crédito deverão apenas levar os seus documentos em uma das sedes da Crefisa para realizar a solicitação ou até mesmo fazê-la na internet.

Esta é a modalidade de crédito mais simples e está disponível para pessoas físicas que desejam um dinheiro rápido, sendo que em alguns casos é possível que o dinheiro esteja na conta do indivíduo em até 24 horas após a aprovação da solicitação.

Para assalariado

E se você possui carteira assinada, saiba que existe um crédito especial da Crefisa para você, assim as pessoas que trabalham para empresa privadas poderão contratar este serviço com facilidade. É necessário ser maior de 18 anos para realizar a solicitação.

Quem desejar contratar este serviço deverá ir até um dos postos de atendimento da financeira ou acessar o site oficial na internet. É necessário apresentar alguns documentos pessoais.

Vale destacar que a solicitação irá passar por uma análise e poderá ser aprovada ou não. O valor do empréstimo será compatível com a renda do indivíduo.

Negativados

crefisa empréstimo para negativado

Se você está com alguma inadimplência em seu nome e por isso não consegue empréstimo em outras financeiras ou bancos você poderá solicitar o empréstimo Crefisa para negativados, assim mesmo com o nome sujo é possível conseguir o dinheiro sem muita burocracia.

O empréstimo para negativados está disponível para pessoas aposentados ou pensionistas e servidores públicos, contudo é necessário tomar cuidado com as taxas de juros cobradas que muitas vezes são altíssimas.

A Crefisa é muito conhecida principalmente por este tipo de empréstimo, sendo que o “empréstimo para negativado” é um dos slogans da empresa.

Crefisa Empréstimo Consignado

A Crefisa é uma financeira que não realiza empréstimo consignado, assim ela foi feita para pessoas que estão com o nome negativado por isso quem está com o nome sujo poderá conseguir empréstimo com facilidade nesta empresa. Mas é importante destacar que as parcelas do empréstimo serão descontadas diretamente na conta do indivíduo e o valor do empréstimo será de acordo com a renda da pessoa.

Mas se você está pensando em contratar o empréstimo da Crefisa, confira as taxas de juros que serão cobradas antes de assinar o contrato assim você poderá ter certeza se é realmente este empréstimo que você deseja fazer.

 Aplicativo

aplicativo crefisa empréstimo

Para facilitar a sua relação com os clientes a Crefisa lançou o seu aplicativo Crefisa, assim você poderá realizar todas as suas transações através do aplicativo sem ser necessário comparecer a um dos postos de atendimento da empresa.

Se você deseja um empréstimo deverá apenas instalar o aplicativo com o nome “empréstimo” desta financeira através do Google Play ou Play Store do seu Android ou IOS e será possível realizar o cadastro para solicitar o empréstimo sem precisar sair de casa.

A solicitação do empréstimo através do aplicativo é bem simples e rápida e a resposta se foi aprovada ou não a sua solicitação sairá em alguns dias, e o melhor, tudo isso sem que você precise sair de casa.

Acesse agora mesmo o site da Crefisa empréstimo e confira todas as  opções disponíveis para você!

Ainda tem alguma dúvida sobre a Crefisa empréstimo? Deixe um comentário que responderemos você em seguida. E se você já solicitou este tipo de empréstimo, compartilhe conosco sua experiência.

Mastercard Surpreenda: Descubra como cadastrar e começar a ganhar pontos!

A fim de fidelizar cada vez mais seus clientes muitas empresas vêm lançando vários tipos de programas de fidelidade, assim os clientes ganham benefícios e as empresas garantem que eles continuaram sendo fiéis a ela, e foi assim que surgiu o Mastercard Surpreenda.

Você já ouviu falar no Mastercard Surpreenda? Sabe o que é e como funciona este programa? Pois então continue conosco e confira a resposta dessa e de várias outras dúvidas sobre ele a seguir.

Como funciona o Mastercard Surpreenda?

O Mastercard surpreenda é mais um programa de fidelidade ofertado desta vez pela própria Mastercard, porém diferentemente de todos os outros programas de fidelidade, o Mastercard surpreenda possui um único diferencial que é a facilidade.

No Mastercard surpreenda não é necessário que o usuário seja exclusivamente um usuário de cartão de crédito, você poderá participar do programa de fidelidade da Mastercard mesmo utilizando o cartão de débito ou mesmo pré-pago, e funciona de forma muito simples, toda vez que você realizar a compra de qualquer produto de qualquer valor utilizando o seu cartão Mastercard, você ganha um ponto.

Assim não importa se você compra algo de R$ 10,00 ou R$ 100,00 reais ao finalizar a compra você ganhará um ponto, e por isso o importante é a quantidade que você utilizará o cartão, e não o valor de sua compra, lembrando que este poderá ser de crédito, débito ou mesmo pré-pago.

Quando chegar aos cinco pontos ou mais já será possível resgatar um voucher nos parceiros da promoção, onde são ofertados mais de 800 opções em 50 parceiros diferentes, sendo possível, por exemplo, recarregar o seu celular e ganhar o mesmo valor em bônus, adquirir um produto e levar outro de mesmo valor inteiramente grátis, e outras diversas opções, tudo acontece de forma simples e transparente.

Além disso, o programa de fidelidade Mastercard Surpreenda é um programa exclusivo da bandeira Mastercard, e por isso você poderá pontuar em  mais de um programa de fidelidade ao mesmo tempo, já que a credora de seu cartão muito provavelmente possui o seu próprio programa agindo de forma independente.

Latam

latam mastercard surpreenda

Um dos principais parceiros do Mastercard Surpreenda é Latam, uma das maiores companhias aéreas do país.

Através do Mastercard Surpreenda é possível adquirir um Latam Travel e o outro sair inteiramente grátis utilizando de seus pontos acumulados no programa.

Para quem ainda não conhece, a Latam Travel é um pacote de viagem que normalmente envolve voo com hotel e até mesmo carro para usar em diversos destinos do mundo, e caso você seja um cliente cadastrado no Mastercard Surpreenda é possível adquirir um desses pacotes de viagem e ganhar outro inteiramente grátis através da troca de 15 pontos acumulados no seu programa, muito fácil não é mesmo?

Cinemark

cinemark mastercard

Outro parceiro importante do Mastercard Surpreenda é o Cinemark, onde clientes cadastrados no programa de fidelidade tem a opção de comprar um ingresso e levar outro inteiramente grátis através da troca de apenas 10 pontos no seu programa de fidelidade.

Quais são os benefícios?

Os benefícios que o programa Mastercard Surpreenda oferece são diversos, já que o cliente terá um enorme número de opções para trocar a sua pontuação, como destaque para bares, restaurantes, viagens, cinemas, cosméticos entre diversos outros produtos que poderão ser adquiridos através da sua pontuação que é feita automaticamente ao usar o cartão Mastercard.

Além do mais, ressaltamos que para cadastrar no programa de fidelidade não é necessário nenhum pagamento de taxa, o que torna o programa ainda mais atrativo.

Como cadastrar no Mastercard Surpreenda?

Se você gostou do programa Mastercard Surpreenda, saiba que realizar seu cadastro é bem simples, basta você acessar a página oficial do programa através do seguinte link https://surpreenda.naotempreco.com.br/rewards/vouchers/surpreenda/cadastro e realizar o cadastro colocando todas as suas informações pessoais.

O cadastro é rápido e seguro, e após ele ser finalizado você já começará a ganhar pontos para ir acumulando a cada compra que for feita. Lembre-se de ler todo o termo de condições de uso do programa para você aproveitar todos os benefícios que ele pode te trazer.

Confira abaixo como acumular seus pontos e onde você poderá usá-los.

E se você ainda tem alguma dúvida sobre o programa de fidelidade Mastercard Surpreenda, deixe-nos um comentário e responderemos você assim  que for possível.